O Raio Verde

A cor verde está em muitas culturas associada à cura e à expressão. Na astrologia védica, é em geral usada para ativar a energia do planeta Mercúrio, mensageiro dos Deuses, guardião do intelecto (detalhe: nem sempre essa ativação é benéfica). Nos estudos da Fraternidade Branca, o Raio Verde tem como arcanjo o Rafael, anjo da cura, e como forma de expressão a música. Considera-se essa forte conexão entre a cura e a música. Muitos terapeutas usam essa cor para trabalhar e energia do chacra cardíaco. As pedras verdes, como a esmeralda, podem, se bem limpas e energizadas, ajudar a canais de cura em seus trabalhos. Na natureza, o verde das matas indica a alegria da Terra. E as moléculas verdes de clorofila realizam a essencial magia de transformar luz em alimento que vira madeira dura, cheios, óleos, doces flores frutos e a base da vida na Terra. O verde me traz sensação de vitalidade e presença. Ao se sentir fisicamente esgotado, emocionalmente magoado ou sem criatividade, que tal escutar uma boa música e visualizar a luz verde emanando do seu coração? Ou se visualizar numa linda floresta verde (sem mosquitos)? Ou, melhor ainda: se deliciar nos campos verdes do mundo onde os sons da natureza curam?


Posts recentes

Ver tudo

Confiança ao estar Mulher e Mãe

Estar mãe e mulher (acaba de voltar minha menstruação, menos de 4 meses após o parto) nesta época do sonho da humanidade é para a alma uma oportunidade de reconexão com a Confiança, tão perdida em nós